Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Soap Ballons & A Cup of Coffee

Pensamentos. Desabafos. Raciocínios.

Soap Ballons & A Cup of Coffee

Pensamentos. Desabafos. Raciocínios.


25
Out08

O mulherio português mete dó

Nos dias de hoje ser mulher é uma vitória. Não foi uma vitória conquistada só por nós, embora o façamos diariamente, mas que devemos, com todo o mérito, atribuir às nossas antepassadas que queimaram soutiens, entre outros grandiosos feitos.

 

Posto isto, manifesto aqui o meu desagrado pelos exemplares que se dizem "mulheres" mas que não passam de umas grandes bimbas, ou seja:

 

- As que se fazem passar por burras porque acham que atraem mais homens;

- As que pensam que a Moda, o "estar na moda", é o mais importante e que a cabeça só serve para usar chapéu;

- As que dizem que são "inseguras" porque acham que ser inseguro é "fofo" e um chamatório para o macho latino;

- As que veneram bandas, filmes e livros sem substracto (tipo filmes de comédia/terror "básicos", etc.);

- As que não lêem porque dizem que não têm tempo (preferem ir ao cabeleireiro ou às compras);

- As que praticam desportos que estão na moda só porque estão na moda;

- As que dependem ou querem depender dos homens e vitimizam-se para conseguirem o que querem;

- As que usam o corpo e não a cabeça para "conquistar" alguém;

- As que usam os homens para lhes pagarem jantares, saídas, servirem de taxistas (gratuitamente) ou apenas para terem companhia em troca de uns beijinhos e/ou umas quecas.

 

Bom, a todas estas "mulheres" as minhas sinceras condolências. São um ultraje para as nossas antepassadas que tanto fizeram para que hoje nos possamos "equiparar" à outra equipa. É inadmissível que miúdas de 15,20,25 anos ajam deste modo só porque pensam que estão a ser "fofitas" e "kiduchinhas" e que isso é bom, que é um comportamento que deva ser incentivado.

 

Quem me lê poderá pensar que sou feminista extremista ou algo... nada disso... Eu abomino ter que assistir diariamente a este triste fenómeno.

 

E que tal esquecer a moda e assistir a debates? E ir a um teatro? Assistir a um concerto de música clássica? E que tal ser forte e mostrar que o és a quem te rodeia? Desde quando a insegurança é um elemento de atracção? Se fores forte, atrais pessoas fortes, tal como se fores fraca atrairás pessoas fracas. É o que queres? Que tal utilizar a cabeça para pensar, debater e raciocinar? E dizer "Trabalho, sou independente e não preciso que me leves a passear ou me pagues o que quer que seja"?! Ou até dizer "Sou mais que uma cara ou um corpo" e não te aproveitares somente do teu aspecto físico? ...

 

A estas chamadas "mulheres" eu deixo um conselho: a estupidez não tem piada, a Inteligência sim, move mundos .

Aos homens, aconselho a procurarem nas Mulheres um outro tipo de beleza, profunda e que perdura (as caras bonitas ficam com rugas, o peito fica descaído, o rabo fica flácido ... mas a inteligência e sabedoria são como o vinho do Porto).

 

 

[À luz de uma conversa numa certa noite...]

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.